Seja forte e corajoso

Seja forte e corajoso, porque você conduzirá este povo para herdar a terra que prometi sob juramento aos seus antepassados. Somente seja forte e muito corajoso! Tenha o cuidado de obedecer a toda a lei que o meu servo Moisés ordenou a você; não se desvie dela, nem para a direita nem para a esquerda, para que você seja bem-sucedido por onde quer que andar. Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos prosperarão e você será bem-sucedido. Não fui eu que ordenei a você? Seja forte e corajoso! Não se apavore nem desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar.
Josué 1:6-9

Muitas vezes é dito esta frase: Seja forte e corajoso, mas muitos poucos sabem o que ela realmente significa e qual a sua importância para a vida de Josué.

No artigo de hoje, quero falar exatamente sobre a importância desta frase para esse grande homem de Israel e o seu verdadeiro significado.

  • O primeiro ponto que podemos abordar da importância destas palavras era que Josué era auxiliar de nada menos que Moisés, um homem super usado por Deus. Ou seja, para “substituir” um grande homem, precisa ser forte e principalmente corajoso.
  • O segundo ponto é que ele não apenas foi o auxiliar de Moisés, mas foi um dos dozes espias que foram enviados a Canaã e apenas ele e Calebe retornaram com boas notícias. Ou seja, Josué tinha visto a incredulidade que o povo de Israel tinha. Ele precisava ser forte e corajoso não apenas para liderar esse povo incrédulo, mas para vencer aquele povo que os outros dez espias disseram que eram uma nação forte e poderosa.
  • O terceiro ponto é que como auxiliar de Moisés, sabia que os maiores de vinte anos de idade não entraria na terra prometida, somente aqueles que eram menores desta idade e os que nasceram no deserto. Novamente precisaria ser forte e corajoso para guiar um povo que nem mesmo Moisés suportou completamente.
  • O quarto ponto é que precisaria entrar na terra prometida e conquistá-la, sendo que a maioria do povo que estava com ele não era preparado para batalha e muito menos tinha experiência como soldados. Quer maior demonstração de força e coragem que precisaria ter diante desta situação?
  • O quinto ponto é que precisaria ser forte e corajoso para ensinar a lei de Deus para aquele povo. Quando Deus deu a Lei para o povo através de Moisés, esta lei era para ser lida constantemente para a nação, inclusive um dos objetivos do livros de Deuteronômio é exatamente o de repetir a Lei para aqueles que nasceram no deserto. O único problema é que o povo negligenciava os ensinos de Deus constantemente, por isso precisaria ser forte e corajoso ao ensinar a lei de Deus.

Diante destes cincos pontos acima, vemos que ser forte e corajoso não era algo simples para Josué, era algo mais que necessário e tinha uma importância muito maior diante do contexto que Josué vivia. Não era apenas ter coragem para fazer algo que nunca tinha sido feito, era uma coragem para fazer algo mesmo diante de tantos exemplos e experiências negativas que tivera anteriormente. Foi essa força e essa coragem que o texto está dizendo, é essa força e essa coragem que devemos ter, mesmo diante de circunstâncias ruins, mesmo diante de um caos, porque o mesmo texto que nos ordena ter força e coragem fala que o Senhor, o nosso Deus, estará conosco por onde quer que andarmos. A nossa força e coragem só pode vir dEle, principalmente em situações difíceis como as que Josué enfrentou. Que agora que entendemos melhor o significado destes textos tão famosos, poderemos lembrar sempre de Josué quando estivermos em situações delicadas em nossa vida e lembrarmos que Deus está sempre conosco, não importando a situação, e por isso, devemos ser forte e corajoso!

Compartilhe este conteúdo em suas redes sócias:
Imagem padrão
Sérgio Luiz

Apaixonado por teologia e pela bíblia. Pós-graduado em Estudos Bíblicos do Novo Testamento pela universidade Unicesumar. Coordenador e professor da rede de ensino de sua igreja local.

Artigos: 137