Sola Fide (Somente a Fé)

Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: primeiro do judeu, depois do grego. Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé , como está escrito: “O justo viverá pela fé”.
Romanos 1:16-17

No próximo domingo (31/10) comemoraremos 504 anos da Reforma Protestante. Tudo iniciou através de um homem inconformado com aquilo que estava acontecendo e ao ler esse texto acima se deparou com uma das maiores verdades do Evangelho que é: o justo viverá pela fé.

Martinho Lutero nasceu em 10 de novembro de 1483 na cidade de Eisleben, na Alemanha. Em 1501, aos 17 anos, Martinho Lutero ingressou na Universidade de Erfurt, onde passou a estudar direito para tornar-se advogado. Em 1505, ele abandonou o direito e ingressou na vida eclesiástica (Escola Agostiniana). Em abril de 1507, Lutero foi ordenado sacerdote e, no ano seguinte, ingressou na Universidade de Wittenberg para estudar teologia, obtendo bacharelado em estudos bíblicos. Em 31 de outubro 1517, prega as 95 teses na catedral de Wittenberg.

Lutero que era um monge da Igreja Católica, se levantou após notar que os dogmas da Instituição na época eram opostos aos ensinamentos bíblicos. A Reforma então marca um movimento focado em trazer a centralidade bíblica de volta para a Igreja. De todas as novas afirmações teológicas que os cristãos protestantes adotaram em oposição a Igreja Católica, 5 pilares foram destacados como a essência da reforma. Essas doutrinas se popularizaram como os 5 Solas da Reforma Protestante.

O que são os 5 Solas?

Os 5 Solas da Reforma Protestante são afirmações teológicas que sintetizam os principais pensamentos dos reformadores. Os Solas são os principais pontos de oposição da Teologia Reformada contra os ensinos da Igreja Católica. Todos eles são frases no Latim e o termo “Sola” significa “somente”. Assim temos os 5 Solas da Reforma, são eles:

– Sola Scriptura = Somente a Escritura
– Solus Christus = Somente Cristo
– Sola Gratia = Somente a Graça
– Sola Fide = Somente a Fé
– Soli Deo Gloria = Somente a Deus a Glória

Apesar de serem os grandes pilares da Reforma, os termos não surgiram naquela época, mas vieram de teólogos e estudiosos posteriores. Embora não se saiba exatamente quando surgiram, de fato quando analisamos os pensamentos dos reformadores, são eles os principais que nortearam a Reforma e se opuseram aos ensinamentos Católicos. Nos próximos dias iremos entender o que são e quais são os Solas. Para iniciarmos, iremos falar hoje sobre o Sola Fide, ou seja, somente a fé.

Sola Fide – Somente a Fé
Reafirmamos que a justificação é somente pela graça, somente por intermédio da fé, somente por causa de Cristo. Na justificação a retidão de Cristo nos é imputada como o único meio possível de satisfazer a perfeita justiça de Deus.
Negamos que a justificação se baseie em qualquer mérito que em nós possa ser achado, ou com base numa infusão da justiça de Cristo em nós; ou que uma instituição que reivindique ser igreja, mas negue ou condene sola fide possa ser reconhecida como igreja legítima.

Ao dizermos isto, queremos dizer que é somente pela fé que somos salvos, não é por mérito nosso.

Quando Lutero redescobriu o termo, “o justo viverá por fé”, ele desmentiu um grande dogma da igreja católica, que trazia o homem como colaborador e cooperador de sua salvação. Não somos cooperadores, a salvação é um ato exclusivamente de Deus em nossa vida. Não é por obras realizadas por nós e nem por vendas de indulgências, como a igreja fazia antigamente. Muitos pagavam por indulgências para receber a sua salvação ou de um ente querido. Lutero vai combater exatamente essas atitudes, dizendo que não há nada que possa fazer para merecer a salvação. É somente pela fé. Não tem como plantar fé na cabeça das pessoas, se pudéssemos, iriamos plantar fé em todas as pessoas que conhecemos.

Fica a pergunta, como receber essa fé, Paulo nos responde: “Consequentemente, a fé vem por se ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo.”
Romanos 10:17
Somente pela Palavra de Deus poderemos ter fé e crescer nela, não existe outro método.

Pedro nos diz que o alvo da nossa fé é alcançarmos a salvação: “Pois vocês estão alcançando o alvo da sua fé, a salvação das suas almas.”
1 Pedro 1:9

João vai nos dizer que a fé é a arma para vencermos o mundo: “O que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.”
1 João 5:4

Já Tiago vai nos dizer que a fé sem obras está morta: “’Assim também a fé, por si só, se não for acompanhada de obras, está morta.”
Tiago 2:17

Conclusão:
O termo Sola Fide, ou somente a fé, pode até ser um termo escrito por homens, mas, como vimos, tem total respaldo pela Palavra de Deus. Inclusive, foram ditos pelos maiores (maiores aqui pelo seu conteúdo bíblico, não pela grandeza e superioridade) apóstolos que já pisaram nesse mundo, cada um de sua forma e exaltando que é somente pela fé que podemos ser salvos e experimentar esse novo nascimento em Cristo.

Compartilhe este conteúdo em suas redes sócias:
Imagem padrão
Sérgio Luiz

Apaixonado por teologia e pela bíblia. Pós-graduado em Estudos Bíblicos do Novo Testamento pela universidade Unicesumar. Coordenador e professor da rede de ensino de sua igreja local.

Artigos: 126