O fruto do Espírito

Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei. Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos. Se vivemos pelo Espírito, andemos também pelo Espírito.
Gálatas 5:22-25

O quinto fruto do Espírito citado pelo apóstolo Paulo é a amabilidade. Amabilidade no dicionário significa característica ou atributo de amável; afabilidade, ternura ou delicadeza; pode definir-se como um comportamento ou um ato que é caritativo, solidário ou afetuoso com outras pessoas. Em outras versões, por exemplo a NTLH (Nova Tradução da Linguagem de Hoje) traz a palavra delicadeza, já na ARA (Almeida Revista e Atualizada) traz o termo benignidade. Isto nos mostra como é difícil entender claramente essa característica citado pelo apóstolo Paulo.

Não apenas o conceito é difícil de entender, mas é pouco utilizado em toda Bíblia. Essa palavra só é citada mais uma vez pelo próprio apóstolo Paulo na carta a igreja aos Filipenses, ou seja, em toda a Bíblia com seus 66 livros, 1189 capítulos e mais de 31100 versículos, esta palavra é citado somente duas vezes.

Amabilidade pode até ser pouco utilizado na Bíblia, mas seu principal significado, que é uma pessoa amável é muito citado, e com isso, podemos entender claramente o que Paulo quis dizer quando disse que amabilidade é um fruto do Espírito Santo.

A Bíblia vai nos ensinar que:

1° – Precisamos ser amáveis com todas as pessoas – “Ao servo do Senhor não convém brigar mas, sim, ser AMÁVEL para com todos, apto para ensinar, paciente.” 2 Timóteo 2:24

“Não caluniem ninguém, sejam pacíficos, amáveis e mostrem sempre verdadeira mansidão para com todos os homens.” Tito 3:2

2° – Precisamos ser amáveis não apenas com os nossos atos, mas com as nossas bocas – “O falar AMÁVEL é árvore de vida, mas o falar enganoso esmaga o espírito.” Provérbios 15:4

3° – Precisamos ser amáveis não apenas com aqueles que são amáveis conosco, mas até mesmo com aqueles que nos perseguem – “Até agora estamos passando fome, sede e necessidade de roupas, estamos sendo tratados brutalmente, não temos residência certa e trabalhamos arduamente com nossas próprias mãos. Quando somos amaldiçoados, abençoamos; quando perseguidos, suportamos; quando caluniados, respondemos AMAVELMENTE.” 1 Coríntios 4:11-13

4° – Precisamos ser amáveis porque o nosso Senhor é amável – “Louvem o Senhor , pois o Senhor é bom; cantem louvores ao seu nome, pois é nome amável.” Salmos 135:3
Não apenas devemos cantar louvores a Deus porque ele tem um nome amável, mas Ele é um ser Todo-Poderoso e amável, afinal, Ele nos escolheu quando nem ao menos merecíamos ser escolhidos.

Podemos concluir que amabilidade não é apenas um fruto do Espírito, mas um dever de todo cristão. Devemos ser amável com todos não apenas porque é uma obrigação nossa, mas porque o nosso Senhor e Salvador foi amável com todos nós e por isso, somos amáveis, para mostrar que somos seus filhos.

Compartilhe este conteúdo em suas redes sócias:
Imagem padrão
Sérgio Luiz

Apaixonado por teologia e pela bíblia. Pós-graduado em Estudos Bíblicos do Novo Testamento pela universidade Unicesumar. Coordenador e professor da rede de ensino de sua igreja local.

Artigos: 126