Amigos de Cristo

Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelos seus amigos. Vocês serão meus amigos, se fizerem o que eu ordeno. Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu senhor faz. Em vez disso, eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu tornei conhecido a vocês.
João 15:13-15

Amigo é o nome que se dá a um indivíduo que mantém um relacionamento de afeto, consideração e respeito por outra pessoa. O amigo é aquele que possui uma grande afeição por uma ou mais pessoas, que é leal, que protege e faz o possível para ajudar sempre. Aquele com quem podemos contar a qualquer hora.

Para aqueles que nasceram de novo, que experimentaram da salvação oferecida por Cristo na cruz, eles tem o direito de não serem mais chamados servos, mas amigos de Cristo. Você já parou para pensar que honra que nós temos em sermos chamados de amigos de Jesus? Ele não nos chama de servos, nem de colegas, nem de conhecidos, mas de amigos.

Existe uma diferença em cada grau de relacionamento citado acima:

1 – Servos – São pessoas que não possuem um relacionamento recíproco de companheirismo. O senhor nunca vai parar para escutar os problemas pessoais do servo e nem irá contar seus segredos para ele. Para o senhor, o que importa é a obediência do servo e fazer tudo aquilo que foi-lhe designado.

2 – Conhecidos – São pessoas que conhecemos apenas de vista, talvez aquela pessoa que trabalha na mesma empresa, mas de setor diferente. Aquela que sempre pega a mesma condução na hora de trabalhar, aquela que estuda na mesma escola ou faculdade, mas em salas diferentes. São pessoas, que já vimos em algum momento da nossa vida, já conversamos em algum momento, talvez até saibamos de alguma informação particular daquela pessoa, mas não temos nenhum outro tipo de intimidade.

3 – Colegas – São pessoas que não apenas conhecemos, mas que temos um nível de relacionamento maior do que os anteriores. Conversamos com elas, divertimos juntos, até contamos alguns segredos ou situações pessoais que acontecem em nossa vida, mas ainda não existe aquele nível de intimidade maior, aquele de contar segredos mais pessoais de nossas vidas. Esse tipo de relacionamento são bem parecidos com aquelas pessoas que trabalham junto conosco ou frequentam os mesmos locais. Podem até ser aqueles irmãos da igreja que vemos todas as semanas.

4 – Amigos – O amigo é o maior nível de relacionamento que podemos ter com uma pessoa. São aquelas pessoas mais próximas, que confessamos pecados, que contamos os segredos mais íntimos das nossas vidas. São aquelas pessoas que podemos contar em qualquer hora e lugar. Que nos entende, que conhece nossos defeitos e aceita eles. É esse nível de relacionamento que podemos ter com Jesus. É esse nível de relacionamento que Ele quer ter conosco.

Novamente quero deixar essa pergunta: Você já parou para pensar que honra que nós temos em sermos chamados de amigos de Jesus? Um amigo que está sempre conosco, que nunca nos abandona, que nunca desiste de nós e que nos ama de um jeito incomparável e incondicional. Esse amor e sua amizade está sempre disponível para nós e a única coisa que Ele pede em troca é a nossa reciprocidade. Que a nossa amizade para com Ele seja a mesma dEle para conosco. Analise a si mesmo, que tipo de relacionamento você têm tido com Jesus? Somente de servo? Somente de conhecido? Só ouviu falar dEle alguma vez? Ou será que é apenas um colega? Estamos com ele somente em algumas situações e em outras o deixamos de fora. Não é nenhum desse tipo de relacionamento que Ele quer ter conosco, Ele quer nos chamar de amigos, quer nos levar há um nível maior de intimidade e que hoje possamos nos encontrar diante dEle disposto a experimentarmos dessa maior proximidade com Ele.

Compartilhe este conteúdo em suas redes sócias:
Imagem padrão
Sérgio Luiz

Apaixonado por teologia e pela bíblia. Pós-graduado em Estudos Bíblicos do Novo Testamento pela universidade Unicesumar. Coordenador e professor da rede de ensino de sua igreja local.

Artigos: 126